Ir para o conteúdo principal

Edição de TERÇA-feira, 13 de novembro de 2018.

O advogado, a juíza e o galo eficaz



Charge de Gerson Kauer

Imagem da Matéria

É época de uma grande feira de tecnologia agropecuária e agroindustrial. Um advogado (também exitoso fazendeiro e ágil criador e exportador de galinhas) está junto ao balcão do sensato bar do hotel cinco estrelas, empunhando uma taça de champanhe.

De repente, vê aproximar-se uma juíza – conhecida dele - que denotava felicidade.

Cumprimentam-se e, cavalheiresca e respeitosamente, o advogado oferece uma taça à dama, justificando:

- Hoje é um dia especial para mim como criador, por isso estou comemorando.

- Para mim também é um dia especial. Vou celebrar também, pois meu marido e eu vínhamos tentando ter um filho e, há menos de uma hora, a minha ginecologista confirmou que estou grávida – diz a jovem magistrada, acedendo.

- Coincidência! – exclama o advogado. Sou criador de galinhas e elas não eram férteis. Mas passaram a pôr ovos fertilizados.

- Parabéns, doutor! E como foi que suas galinhas ficaram férteis? – questiona a dama.

- Eu usei galos diferentes – informa o advogado.

A juíza sorri, aceita brindar e reticente arremata:

- Que coincidência!...


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Gerson Kauer

Perfume de segunda categoria

 

Perfume de segunda categoria

Após presidir a audiência de ação penal relativa a roubo à mão armada ocorrido em uma loja de perfumes, o elegante juiz é surpreendido com a pergunta desferida pela vítima: “Doutor, o senhor tem compromisso para hoje à noite?

Gerson Kauer

Casa de marimbondos

 

Casa de marimbondos

Após a vã tentativa de avaliar uma velha colheitadeira penhorada, o oficial de justiça certifica em minúcias: “Não pude me aproximar da máquina, pois na parte interna do teto da cabine tem uma casa de marimbondos do tamanho de uma caçamba de pampa, tendo este servidor medo de levar múltiplas ferroadas”.

Charge de Gerson Kauer

A política também tem essas coisas

 

A política também tem essas coisas

O José Teutônico um dia tornou-se político famoso. Seu gabinete estava recheado de assessores jovens, bonitos, bem vestidos, perfumados, alegres – às vezes até demais. De repente, ele divorciou-se da esposa socialite. E passou a ser conhecido como “Maninha”. O texto é do advogado Carlos Alberto Bencke.

Charge de Gerson Kauer

O salvamento da justiça

 

O salvamento da justiça

Apesar de advertido pelo colega de jurisdição, o magistrado embriagado lança-se ao rio, a pretexto de nadar. Começa a afogar-se, mas, felizmente, é salvo por circunstantes. Devolvido à terra firme, o juiz comemora em tom etílico: “A justiça foi salva! Homologo o acordo para que surta seus jurídicos e legais efeitos”...

Charge de Gerson Kauer

A primeira vez da juíza

 

A primeira vez da juíza

Literalmente a magistrada foi só, em seu próprio automóvel, para conhecer a casa onde aconteciam os embates de Eros, o deus do amor. Sem demora, numa suíte temática, ela constatou que a vedação acústica tinha problemas. O original caso teve desdobramentos no tititi da “rádio-corredor” da subseção da OAB local.

Charge de Gerson Kauer

A sogra, ou a soga?

 

A sogra, ou a soga?

“A ação de usucapião ajuizada no foro de cidade próxima ao litoral norte gaúcho se referia a uma pequena área de terra, que passou a ser valiosa porque a cidade cresceu para aqueles lados”. O texto é do advogado Carlos Alberto Bencke.