Ir para o conteúdo principal

Edição de terça, 4 de julho de 2022.
(Próxima edição: sexta dia 8.)

Processos demorados? Questionar o presidente!



Porto Alegre, 9 de fevereiro de 2017.

Ao
Espaço Vital

Ref. Tartaruga cartorária

Olá, boa tarde!

Faz tempo que não escrevo para vocês, mas gostaria de deixar registrada minha indignação com a 15ª Vara Cível do Foro Central de Porto Alegre. Atuo em um processo que está desde julho de 2016 aguardando a simples juntada de uma petição!

Consulta de 1º Grau

Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Sul
Número do Processo: 1.13.0013894-8
Comarca: Porto Alegre
Órgão Julgador: 15ª Vara Cível do Foro Central : 2 / 1 (Foro Central (Prédio II))

Movimentações:

09/09/2016 DOCUMENTO(S) RECEBIDO(S) NO PROTOCOLO GERAL

26/08/2016 RECEBIDOS OS AUTOS JUNTAR DOCUMENTOS

28/07/2016 DOCUMENTO(S) RECEBIDO(S) NO PROTOCOLO GERAL

Em contato com a servidora da Vara, informou-me que só estão trabalhando ela, um colega e a escrivã. Sobre providências, pediu que eu questionasse o presidente do TJRS.

Sem previsão para juntada e nós, advogados, sem previsão de movimentarmos os processos e ganharmos nossos tão esperados honorários.

E a prestação jurisdicional, assim, amarrada pelo andar das tartarugas forenses.

Sem mais. Abraço e um ótimo ano para o EV, sua equipe e seus leitores!

Atenciosamente,

Daniela Nadvorny, advogada (OAB-RS nº 64.057)
dnadvocacia@gmail.com


Notícias Relacionadas

Charge de GERSON KAUER

Estagiário, a verdadeira mola propulsora da tramitação processual

 

Estagiário, a verdadeira mola propulsora da tramitação processual

Um caso gaúcho e as mazelas dos atos ordinatórios. Dez minutos depois do ajuizamento, uma ação civil pública (que  possui dispensa de adiantamento de custas) ganhou uma decisão ilegal. Diz assim: “Fica a parte autora intimada para, em cinco dias, efetuar o pagamento das custas, sob pena de cancelamento da distribuição”. Carta do advogado Filipe Merker Britto.