Ir para o conteúdo principal

Edição de quinta, 4 de agosto de 2022.
(Próxima edição: terça dia 09.)
https://marcoadvogado.com.br/images/smj.jpg

O triste caso da “passageira encalhada”



Imagem da Matéria

Sonia Sodha / BBC.com

Uma mulher com deficiência física que ficou imobilizada em um avião de passageiros - quase totalmente vazio - durante 95 minutos disse que “a indústria aérea deve melhorar drasticamente os serviços para atender as pessoas com restrições de ambulação”. O aeroporto de Gatwick – que é o segundo maior da Inglaterra - pediu desculpas a Victoria Brignell, que foi deixada como passageira solitária no avião no último domingo (05).

A passageira, que está paralisada do pescoço para baixo, avaliou que “toda a experiência foi frustrante e estressante". E relatou que “a aeronave não pode seguir o trajeto, até que eu tivesse sido decolada de bordo, o que então atrasou o próximo voo também”.

Nas redes sociais, Victoria fez duas postagens: 1) "É muito importante que a indústria aérea melhore o serviço que dá às pessoas com deficiência”; 2) "Penso que nos dias de hoje deve ser perfeitamente possível projetar aviões de uma forma que permita que pessoas com deficiência viajem em suas própria cadeiras de rodas”.

Os textos dela também usaram duas outras frases críticas: “As empresas e seus engenheiros precisam planejar e treinar seu pessoal adequadamente para que haja pessoas capazes de ajudar” (...) e “o que estou pedindo não me parece ser tão complicado assim, afinal eu não estou querendo viajar em foguetes, mas em rotineiros aviões”.

Uma amiga de Victoria postou uma foto nas redes sociais, dizendo que a falta de modernidade é "totalmente inaceitável".

As redes sociais abordaram o caso usando algo chamativo: “A passageira de avião que ficou uma hora e meia encalhada”.

A tripulação da cabine acabou por ajudar a tirar Victoria do avião, porque – passados 90 minutos - a equipe de assistência do aeroporto não conseguiu chegar e/ou não sabia o que fazer...

Victoria agradeceu a todos por compartilharem as imagens, mas disse que as cenas mostraram "um serviço terrível para pessoas com deficiência".

O fato levou outras pessoas a compartilharem suas histórias. Muitos disseram que não foi um incidente isolado para pessoas com deficiência que enfrentam desafios rotineiros para acessar espaços públicos.

A medalhista de ouro paralímpica Sophie Christiansen escreveu: "Obrigado por ser uma aliada e compartilhar a discriminação que enfrentamos diariamente”.

Outros citaram um tweet do jornalista da BBC Frank Gardner que se viu em uma situação semelhante no aeroporto de Heathrow, no mês passado.


Mais artigos do autor

 

Engenheiro receberá indenização por assédio moral

Chargista Mário - APESJF

Engenheiro receberá indenização por assédio moral

  • Seu trabalho na Engelux era definido como “lixo” e, pessoalmente, ele era chamado de “porco”. Ofensas partiam do presidente da empresa.
  • Indenização de R$ 100 milhões para a viúva e o filho de Giulite Coutinho, ex-presidente da CBF.
  • Revogadas as decisões que tornavam José Roberto Arruda elegível.

 

IDEC encontra agrotóxicos em 58% dos produtos analisados

Alfonso Charles / Pixabay

IDEC encontra agrotóxicos em 58% dos produtos analisados

  • As maiores quantidades de resíduos perigosos estavam no empanado de frango (nugget) Seara, o requeijão Vigor, o requeijão Itambé e o empanado de frango (nugget) Perdigão.
  • Número de mulheres superou em 4,8 milhões o de homens no Brasil.
  • Trabalhador entra com ação contra a empresa em que os sócios são seus parentes.
  • Administrador de frigorífico gaúcho condenado por sonegação.
  • O custo, para o Estado, de cada caso de “pequeno furto”.

 

´Celeridade´: audiências na JT de Porto Alegre em... fevereiro de 2024

Arte EV sobre foto Camera Press

´Celeridade´: audiências na JT de Porto Alegre em... fevereiro de 2024

  • Uma espera de, no mínimo, 18 meses em ações que deveriam ter o rito processual simplificado.
  • Previsão sombria: “O acesso ao foro trabalhista só será permitido àqueles que portem comprovante vacinal completo, ou PCR, ou teste de antígeno negativo realizado nas últimas 72h antes da audiência”.
  • Aceitam-se reclamações: corregedor-geral do TST receberá o público no dia 3 de agosto, em Porto Alegre.

 

Pedido de demissão durante internação em clínica de reabilitação

Google Imagens

Pedido de demissão durante internação em clínica de reabilitação

  • Decisão judicial determina reintegração. Perito psiquiatra referiu que “o trabalhador era incapaz, no momento da assinatura, para responder por suas atitudes”.
  • Vem aí um aeroporto só para ricos. Será em Guarulhos (SP).
  • Condenação da 99: responsabilidade pela morte de motorista de aplicativo vitimado pela Covid.
  • Indenização para aeromoça da Gol, que era obrigada a trabalhar com unhas pintadas e manicuradas.